BEDA #9 - Bloqueio criativo ou desânimo? Eis a questão

agosto 09, 2017

Olá personas! Como vão? Hoje escolhi falar sobre um tema muito conhecido de todas as pessoas que criam coisas. Sejam escritores, ilustradores, musicistas, sei lá, a galera do TI que faz app. Enfim. Até onde o meu parco conhecimento se estende, existe por ai uma gama de profissões e hobbies que demandam a capacidade de dar existência a algo novo, ou seja, i-ma-gi-na-ção criatividade! Mas tem dias que nem a musa ajuda.


Eu ouvi durante os oito semestres da minha faculdade de comunicação que não existe esse negócio de esperar a inspiração surgir. Que a tal da musa não existe. Que para escrever bem e com frequência é preciso escrever, bom, com frequência. Por um lado eu concordo com essa afirmação, afinal, como qualquer esportista diria, é a prática que leva à perfeição. Então faz todo o sentido.

Porém, contudo, entretanto, todavia, é bem desanimador sentar na frente de uma página em branco do Word (ou do caderno, do sketchbook, etc.) e não conseguir produzir nada. Ou pior: escrever (no meu caso) alguma coisa que você sabe que está ruim para caramba, mas te dizem que é pelo bem da prática. Me sinto um lixo péssima por não conseguir produzir com qualidade todos os dias. Não precisa ser nada fantástico, digno de Prêmio Pulitzer, mas seria bom conseguir escrever um ou dois textinhos que tivessem significado para mim e que pudessem tocar outras pessoas.

Já tentei de tudo mesmo para realizar essa façanha que é escrever por escrever para praticar, mas é muito difícil. Vivo lendo sobre como escrever melhor, já tentei aplicativos que contabilizam seu progresso em realizar metas, do NaNoWriMo já não passo mais perto porque novembro é sempre uma correria na minha vida (quando não eram mais provas da escola/faculdade, começou a ser trabalho). Leio para me inspirar, mas também tenho tido muita dificuldade para me concentrar nas minhas leituras. Se antes eu conseguia ler um livro de 400 páginas em um dia e meio, hoje demoro 3 meses para ler um de 260. É verídico e aconteceu no começo desse ano. #chateada.

Não sei mais o que fazer. Parece que no dia que a tal da inspiração chega para mim, ela vem em todas as áreas: quero ler, escrever, bordar, organizar meu armário, fazer faxina... é complicado, viu?

O problema é totalmente da minha cabeça, eu sei. É preciso dominar o cérebro para voltar a ter o hábito de fazer as coisas (como ler com muita frequência, por exemplo), mas parece que me faltam forças até para ter vontade de tentar. Não sei mais o que fazer.

MANDEM AJUDA

E links. Me mandem links. Quero dicas para voltar a conseguir devorar livros e para escrever melhor e com frequência. Me ajuda ai, pô!

É isso. Mais um desabafo nesse mês de BEDA porque a vida, meus amigos, não é nada fácil.



👇

Leia também

6 comentários

  1. Eu entendo perfeitamente essa sensação :c parece que há um vazio por dentro! Tento tirar algo de dentro de mim e nada. Outro dia parece que estou transbordando x.x

    Com amor,
    Bruna Morgan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É complicado demais esse negócio de ser criativo!

      Excluir
  2. Babe, eu te entendo demais! Tem vezes que não dá jeito, e na minha opinião, tem que respeitar esse nosso bloqueio que a ideia vem, de verdade. 💜

    Beijos, Gabi

    Supimpa Girl

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho, mas às vezes parece que se forçar vai também! rs

      Excluir
  3. Apesar de não estar na mesma situação que a sua que sente essa pressãozinha por estar na faculdade, eu tenho o mesmo problema. Seja pra escrever, desenhar e até mesmo ler, não, não, até mesmo assistir série, sim! Demorei meses para ler A Elite, um livro curtíssimo e juvenil, também demorei meses pra ver 3 ÚLTIMOS EPISÓDIOS de nada mais nada menos que NEW GIRL, sério, chega a dar um calorão de pensar no nervoso de querer acabar, querer saber o final, querer colocar pra fora mas não consigo mexer nem uma palha pra isso, difícil demais. Beijo!

    Ray e os Dezoito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus eu já não estou mais na faculdade, mas até ano passado sentia muita pressão por conta disso sim, rs
      Dá nervoso mesmo, é difícil!

      Excluir

Obrigada!